LOGIN / Acesse o sistema

Esqueceu sua senha? Redefina aqui.

Ainda não possui uma conta? Cadastre-se aqui!

REDEFINIR SENHA

Insira o endereço de email associado à sua conta que enviaremos um link de redefinição de senha para você.

Ainda não possui uma conta? Cadastre-se aqui!

Comitês Comitê de Tubulações e Vasos de Pressão

Comitê de Tubulações e Vasos de Pressão

Área: Tubulações e Vasos de Pressão

Data de Criação: 1988

Organização de Evento Específico na Área:

 

Comitê Executivo Atual:

José Luiz de França Freire (Secretário), PUC-Rio – [email protected]
Tito Luiz da Silveira, TSEC – [email protected]
Sidney Stuckenbruk, Olympus Software – [email protected]

 

Histórico:

O Comitê de Tubulações e Vasos de Pressão é um dos mais antigos e tradicionais da ABCM, com forte atuação junto às comunidades acadêmica e industrial, no Brasil e no exterior, objetivando contribuir para o desenvolvimento, da área de tubulações vasos de pressão no que se refere às atividade ensino, pesquisa, projeto, fabricação, inspeção, manutenção e operação.

O CTVP – Comitê de Tubulações e Vasos de Pressão da ABCM, nucleado a partir do SIBRAT – Simpósio Brasileiro e Tubulações e Vasos de Pressão, funcionou intensamente até meados dos anos 90. Vários eventos marcantes foram organizados pelo CTVP além da série SIBRAT, com destaque para:

Outro destaque do CTVP foi ter tido parte ativa na constituição do PROMAI – Proyeto Multinacional de Evaluación de Integridad y Extensión de Vida de Equipos Industriales (1992, Minas, Uruguai), que veio a secretariar em sua fase inicial de operação. Esse projeto, ainda hoje ativo, é agora secretariado pela ABENDI – Associação Brasileira de Ensaios Não Destrutivos e Inspeção e congrega instituições do Brasil, Argentina, Uruguai, Colômbia e Chile.

Na segunda metade da década de 90, o CTVP, até então fortemente apoiado pela indústria, perdeu força e entrou em estado letárgico.

Diferente do que ocorria na década de 90, o País atravessa agora um ciclo de elevadíssimos investimentos nas áreas de petróleo e gás, biocombustíveis, energia, siderurgia, celulose, mineração e por diante. Nesse contexto, a ABCM decidiu reviver o CTVP. O propósito é proporcionar para a comunidade interna e externa à ABCM um foro que reúna a inteligência do País que, na academia e na indústria, se encontre envolvida com questões relativas a tubulações e vasos de pressão.

 

Objetivos:

Os Objetivos imediatos do CTVP são:

 

 

Outras Atividades:

 

    • SIBRAT – Simpósio Brasileiro sobre Tubulações e Vasos de Pressão
    • IEV – Conferência internacional sobre Avaliação de Integridade e Extensão de vida de Equipamentos Industriais
    • PREV – Conferência Internacional sobre Prevenção de Perdas em Equipamentos e Sistemas Industriais
    • COTEQ – Conferência sobre Tecnologia de Equipamentos

     

     

     

     

     

    • ACETE – Encontro sobre Análise de Componentes Estruturais em Temperaturas Elevadas (1983, Rio de Janeiro);
    • SIAT – Seminário Internacional sobre Integridade de Equipamentos que Operam em Altas Temperaturas (1989, Nova Friburgo, RJ);
    • ICV – Simpósio Nacional sobre Integridade Estrutural (1991, Nova Friburgo, RJ);
    • IEV – Conferência Internacional sobre Avaliação de Integridade e Extensão de Vida de Equipamentos Industriais (1993, Pouso Alto, MG). Esse evento foi o primeiro de uma série que perdura, posto que, através do IEV, o CTVP foi um dos organismos responsáveis pela instalação da série de eventos COTEQ da qual a 11ª edição ocorrerá em maio de 2011 em Pernambuco;
    • Além de eventos, foram também produzidos diversos documentos, dentre eles a Prática Recomendada ABCM/CTVP-PR001-92: Recomendação Geral para Inspeção de Equipamentos e Instalações que Operam em Temperaturas Elevadas.
    • Promover o SIBRAT 2011, integrado à COTEQ 2011 (maio 2011, Pernambuco);
    • Organizar o Fórum Desafios da Indústria Brasileira de Tubulações e Vasos de Pressão 2010-2020 (agosto 2010, Rio de Janeiro);
    • Constituir um grupo de especialistas da academia e da indústria que defina necessidades, prioridades e que proponha soluções de natureza tecnológica em continuidade à discussão estabelecida a partir do Fórum.
    • Fórum Desafios da Indústria Brasileira de Tubulações e Vasos de Pressão
      Data: 23/08/2010
      Local: IBP
      Clique aqui para baixar o relatório.

 

Voltar