LOGIN / Acesse o sistema

Esqueceu sua senha? Redefina aqui.

Ainda não possui uma conta? Cadastre-se aqui!

REDEFINIR SENHA

Insira o endereço de email associado à sua conta que enviaremos um link de redefinição de senha para você.

Ainda não possui uma conta? Cadastre-se aqui!

Este conteúdo é exclusivo para membros ABCM

Inscreva-se e faça parte da comunidade

CADASTRE-SE

Tem uma conta?

Torne-se um membros ABCM

Veja algumas vantagens em se manter como nosso Associado:

Acesso regular ao JBSMSE
Boletim de notícias ABCM
Acesso livre aos Anais de Eventos
Possibilidade de concorrer às Bolsas de Iniciação Científica da ABCM.
Descontos nos eventos promovidos pela ABCM e pelas entidades com as quais mmantém acordo de cooperação.
Estudantes de gradução serão isentos no primeiro ano de afiliação.
10% de desconto para o Associado que pagar anuidade anntes de completar os 12 meses da última anuidade paga.
Desconto na compra dos livros da ABCM, entre eles: "Engenharia de Dutos" e "Escoamento Multifásico".
CADASTRE-SE SEGUIR PARA O VIDEO >

Tem uma conta?

Eventos Anais de eventos

Anais de eventos

CREEM 2019

XXVI Congresso Nacional de Estudantes de Engenharia Mecânica

AVALIAÇÃO DE JUNTAS SOLDADAS DE AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO ATRAVÉS DO ENSAIO DE ULTRASSOM

Submission Author: Moisés Silva , PE
Co-Authors: Clécio Vicente da Silva, Adalberto Siqueira, Diogo Monteiro do Nascimento, Djailson Bezerra , Erika Braga, George Nascimento, José Endreo Baracho da Costa, Moisés Silva
Presenter: José Endreo Baracho da Costa

doi://10.26678/ABCM.CREEM2019.CRE2019-0122

 

Abstract

Materiais de aços inoxidáveis austeníticos submetidos ao ensaio de ultrassom, apresentam maior dificuldade na detecção de defeitos internos que outros metais por apresentarem estrutura granular grosseira, discordâncias nas orientações cristalográficas e alto grau de anisotropia, limitando a sensibilidade e até impossibilitando o ensaio e provocando distorções do feixe sônico relacionadas à sua microestrutura. Esses materiais anisotrópicos modificam a velocidade, podendo alterar 100% nas ondas transversais. Diante disso, procurou-se desenvolver nesse estudo a viabilidade de um procedimento que estabeleça e descreva as condições necessárias para a execução do ensaio. As técnicas, avaliações e critérios de aceitação para a construção dos corpos de provas e realização dos ensaios de ultrassom seguiram padrões normativos da ASTM e dos códigos internacionais da ASME. Devido o diâmetro externo e espessura dos corpos de provas serem significativamente pequenos, foram utilizados transdutores com cristais piezoelétricos emitindo ondas longitudinais e frequência de 5MHz e 7,5MHz. Pôde–se perceber uma melhora nas características físicas das ondas ultrassônicas: campo próximo, divergência, sensibilidade e atenuação sônica. Tendo como parâmetro comparativo o ensaio de radiografia industrial, o método utilizado e os transdutores, apresentaram resultados satisfatórios, permitindo identificar precisamente a localização, orientação, dimensionamento e o tipo de defeito encontrado nos corpos de provas.

Keywords

Austeníticos, Anisotropia, Transdutores

 

DOWNLOAD PDF

 

‹ voltar para anais de eventos ABCM